Imagina na copa

Inspire-se com as histórias que encontramos

Aqui você assiste toda semana a uma nova história de quem está transformando o país para melhor. São projetos e ações
de pessoas que fazem seu melhor onde estão e com o que têm para mudar o Brasil. Até a abertura da Copa do Mundo,
em 12 de junho de 2014, serão 75 documentários para inspirar você.
Se quiser indicar um projeto para a gente, fique à vontade! Se quiser colaborar para o próximo, faça uma doação.

História #18 – Mídia Periférica

Mídia Periférica – Jovens Fazendo valer seus direitos através da Comunicação Social.

Se Liga Bocão, Na Mira, Se Liga no Pida, Estes são os programas de maior audiência da Mídia Convencional, programas sensacionalistas e que excluem a cultura das periferias e muitas vezes usam as comunidades como cenário para suas matérias sensacionalistas, utilizando imagens de miséria e desgraças. Foi com essa inquietação que três (3) jovens se reuniram durante o curso de Direito a comunicação e produção de vídeo ministrado pelo Instituto de Mídia Étnica (IME) e realizado pelo Fundo de Populações das Nações Unidas (UNFPA) na comunidade de Sussuarana em Salvador-BA, e fundaram o Grupo de Comunicadores Jovens Mídia Periférica.

Enderson Araujo, Ana Paula Almeida e a Liege Viegas se reuniam após as oficinas e discutiam bastante sobre os esclarecimentos que o IME passara nas tardes de oficinas, Vídeos, Debates, e Conversas que adentravam as noites inquietavam aqueles jovens. Tiveram a idéia de fazer fotografias pela comunidade e surgiu mais uma inquietação em suas mentes, pois eles começaram a observar que a periferia não só tem misérias, tem as senhoras que se reúnem para tricotar, fazer crochê, tem as crianças que batem uma pelada no final de linha ou empinam pipa enquanto os senhores de meia idade jogam dominó na praça ao fim de tarde. Com essas imagens os jovens do Mídia Periférica faziam vídeo slides e divulgavam na internet em forma de repudio ao que a mídia convencional pregava sobre as comunidades periféricas, mas sentiam que aqueles vídeos ficavam soltos na internet sem nenhuma referência. Daí surgiu a idéia de criar-se um nome que desse referência as fotos e que o trabalho dos jovens fosse reconhecido, então nasceu o Mídia Periférica.

Foi deste primeiro movimento que surgiu um espaço na rádio comunitária de Sussuarana para transmitir o programa Radiação Favela, um programa de hip-hop que há poucos dias passou a ter transmissão Online, alem disso @s Menin@s conseguiram um apoio da Rede Servidor Para produzirem sua Web TV onde eles produzem quatro tipos de programas: Conversa de Quilombo, Multicultural, Love Periferia e Informe Periférico.

E não para por ai, os jovens multiplicam seus conhecimentos em oficinas que são convidados a fazer em outras comunidades, eles passam um pouco do que aprendem para outros jovens, em seus quadros eles escrevem uma vez por mês para a revista Viração! Feita por jovens de todo o Brasil e postam conteúdo na Agencia Jovem de Noticias da Revista Eletrônica da Viração.

 

Se liga nos links que a galera do projeto deixou pra gente:

Conheça o Mídia Periférica – Correio NagôDigo e Penso 

Lançamento Web Tv – Correio Nagô

Persperctivas do Jovem das Periferias – Maria FrôCorreio Nagô

Radiação Favela – Revista Áfricas

Parceria – Show do Mv Bill 

Participação No Suburbano Convicto – Os 3 Mais do Rap em 2010

Cultura Marginal – Cultura das Periferias – Correio NagôO Super novaSarau Central

 

 

Galeria de fotos:

Parceiros estratégicos

Parceiros

Divulgação

Apoio